INSS: Tempo afastado do trabalho conta para aposentadoria?

Quando se trata dos benefícios previdenciários muitas dúvidas acabam surgindo, entre elas será que o tempo afastado conta para aposentadoria? Neste artigo, iremos explicar os principais pontos que se referem à contribuição durante o afastamento, seja por auxílio doença ou aposentadoria por invalidez.

Então, se você se enquadra em alguns desses casos, e quer saber se precisará contribuir novamente, por conta do período afastado (a), após a cessão do seu benefício, vale a pena ficar de olho neste conteúdo até o final!

Tempo afastado conta para aposentadoria?

O auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez são destinados aos trabalhadores que, de alguma forma, perderam a sua capacidade para o trabalho. Com isso, é muito comum o surgimento de uma dúvida…


Esse tempo afastado conta para aposentadoria?

Visto que para o homem são necessários 35 anos de contribuição, o segurando que contribui por 30 anos, mas teve que se afastar por 05 anos, vindo a utilizar, assim, o auxílio-doença poderá pedir aposentadoria por tempo de contribuição, mesmo que tenha de volta a sua capacidade para trabalhar?

A resposta para essa pergunta é sim, o segurado poderá fazer o requerimento de sua aposentadoria por tempo de contribuição ou idade, mas desde que o período de afastamento seja intercalado com o período de contribuição. Sendo assim, deverá haver contribuições antes e depois do afastamento.

Dessa forma, o trabalhador, que tenha o auxílio doença ou aposentadoria cessados, poderá retornar ao seu ofício ou fazer pelo menos um recolhimento, ativando assim o período de afastamento para que o mesmo conte como tempo para aposentadoria.

Como funciona em caso de aposentadoria especial?

O benefício da aposentadoria especial é destinado aos trabalhadores que tenham o exercício de sua função em um ambiente que apresente agentes nocivos a saúde, seja por meio de calor, ruído ou radiação.


Com a possibilidade de se aposentarem após cumprirem 25,20 ou 15 anos de contribuição, caso o trabalhador se afaste de seu exercício e venha utilizar o auxílio-doença, o tempo desse benefício será computado para sua aposentadoria especial?

Sim, isso porque, esse tempo de recebimento do auxílio-doença também é considerado especial.

A contagem que acontece, em relação ao tempo de serviço, após retornar ao trabalho é automática?

Esse e um detalhe muito importante, uma vez que o tempo só será computado somente se o trabalhador voltar a contribuir no próximo mês, após o término de seu afastamento. Por esse motivo, se o trabalhador não voltar a contribuir, o tempo de auxílio doença não irá somar para a sua aposentadoria.

Para pessoa empregada, isso acontece automaticamente, agora para o trabalhador autônomo ou desempregado, é fundamental ficar atento ao retorno das contribuições.


Conseguiu entender melhor como funciona a somatória dos períodos para aposentadoria, quando há um afastamento por auxílio doença ou aposentadoria por invalidez?

Fonte: Jornal Contábil - 10/10/2019

INDICADORES ECONÔMICOS

Moedas - 18/10/2019 12:57:19
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,130
  • 4,131
  • Paralelo
  • 4,110
  • 4,340
  • Turismo
  • 4,100
  • 4,350
  • Euro
  • 4,608
  • 4,610
  • Iene
  • 0,038
  • 0,038
  • Franco
  • 4,193
  • 4,192
  • Libra
  • 5,327
  • 5,329
  • Ouro
  • 199,380
  •  
Mensal - 23/09/2019
  • Índices
  • Jul
  • Ago
  • Inpc/Ibge
  • 0,10
  • 0,12
  • Ipc/Fipe
  • 0,14
  • 0,33
  • Ipc/Fgv
  • 0,31
  • 0,17
  • Igp-m/Fgv
  • 0,40
  • -0,67
  • Igp-di/Fgv
  • -0,01
  • -0,51
  • Selic
  • 0,53
  • 0,49
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

QUEM SOMOS


Trabalhamos com ética, seriedade e profissionalismo.
Possuímos equipe especializada para empresas da área de Saúde e Medicina.
Saiba mais




R. Otavio Tarquinio de Souza, 928
Campo Belo
São Paulo - SP
11. 5543 5222
Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)